Instalando o OTRS no Ubuntu 10.4


Instalação

Nós vamos instalar o OTRS no diretório “/opt” manualmente, e não através do gerenciador de pacotes.

Download do arquivo “.tar.gz” no link http://www.otrs.com/open-source/get-otrs/software-download/

  • Abra um terminal com o usuário root (sudo su -)
  • Extraia o conteúdo do arquivo e mova o diretório para /opt

tar xf otrs-3.0.x.tar.gz

mv otrs-3.0.* /opt/otrs

Os próximos passos são as instalações dos módulos Pearl, o servidor Web e o Banco de Dados.

aptitude install libapache2-mod-perl2 libdbd-mysql-perl libnet-dns-perl libnet-ldap-perl libio-socket-ssl-perl libpdf-api2-perl libsoap-lite-perl libgd-text-perl libgd-graph-perl libapache-dbi-perl mysql-server

Você também pode criar um banco de dados e utilize-lo remotamente, ou até mesmo criar o banco de dados em Oracle ou outro SGBD qualquer, porém, para o nosso manual está fora de escopo.

Agora você deverá criar um usuário para o qual as tarefas do OTRS agendadas na “cron” irão ser executadas.  O usuário deve ser adicionado ao grupo do servidor web e ter como home o diretório “/opt/otrs”.

useradd -r -d /opt/otrs/ -c ‘OTRS user’ otrs

usermod -g www-data otrs

Agora temos que preparar o arquivo de Configuração o OTRS. Copie o arquivo “/opt/otrs/Kernel/Config.pm.dist” para “Config.pm” para que você tenha uma nova cópia. Faça o mesmo para o arquivo “/opt/otrs/Kernel/Config/GenericAgent.pm.dist”.

cd /opt/otrs/Kernel

cp Config.pm.dist Config.pm

cp Config/GenericAgent.pm.dist Config/GenericAgent.pm

Agora você deve setar as permissões para que tanto o usuário do OTRS quanto do Servidor Web tenham as permissões necessárias no diretório. Para isso podemos usar o script previamente fornecido.

cd /opt/otrs

bin/otrs.SetPermissions.pl –otrs-user=otrs –otrs-group=otrs –web-user=www-data –web-group=www-data /opt/otrs

Configurando o servidor Web

O OTRS já possui um arquivo de Configuração padrão para o Apache. Devemos apenas copiar o arquivo em questão para o diretório de configuração do Apache e reiniciar o servidor para que ele valide as configurações em questão.

cp /opt/otrs/scripts/apache2-httpd.include.conf /etc/apache2/conf.d/otrs.conf

service apache2 restart

Avançado: Rodando o Apache com o usuário OTRS

Você só pode fazer isso se o seu Apache suportará apenas ao OTRS. Caso você esteja rodando outros softwares utilizando o Apache, você terá problemas. A finalidade disso é facilitar a administração dos seus serviços, pois desta forma você não se preocupa com a utilização de dois owners no sistema.

Altere este arquivo:  “/etc/apache2/envvars

Comente estas linhas adicionando o caractere “#” na frente delas.

export APACHE_RUN_USER=www-data

export APACHE_RUN_GROUP=www-data

Após, adicione estas duas linhas:

export APACHE_RUN_USER=otrs

export APACHE_RUN_GROUP=otrs

Reinicie o Apache para validar.

Instalando o OTRS via interface Web

Acesse o endereço local http://127.0.0.1/otrs/installer.pl no seu navegador.  Se você não tem um navegador instalado no seu servidor Ubuntu, o que seria muito comum de acontecer, você pode acessar de outra maquina local e substituir o ip local pelo ip de onde está sendo instalado o OTRS.

No instalador via web você pode criar o banco de dados que será utilizado pelo OTRS, bem como setar outras configurações básicas. (para criar o banco de dados deve ser utilizada a senha de root do MySQL que você definiu na instalação anteriormente). Depois você pode logar no OTRS utilizando o usuário/senha padrão: root@localhost/root.

Agora que você criou o banco de dados, é necessário editar o arquivo “/opt/otrs/scripts/apache2-perl-startup.pl” para configurar o Apache::DBI. O Apache::DBI não é um modulo necessário para o funcionamento do OTRS, mas ele irá pré-estabelecer conexões ao banco de dados, o que aumentará a performance de gravações e  consultas. Sendo assim, fica como uma recomendação, além de ser fácil de ser configurado.

Apenas remova as cerquilhas (ou jogo da velha #) antes das linhas do Apache::DBI e coloque o usuário/senha que foi utilizada para a criação do banco de dados no web installer. Se você esqueceu essa senha, pegue-a na variável $Self->{‘DatabasePw’} localizada no arquivo “/opt/otrs/Kernel/Config.pm”.

use Apache::DBI ();

Apache::DBI->connect_on_init(‘DBI:mysql:otrs’, ‘otrs’, ‘my-secret-pass’);

use DBI ();

Jobs agendados na Cron do OTRS

O OTRS possui vários jobs agendados que são baseados em tempo para serem executados. Entre eles estão: Escalação de Tickets, Envio de Lembretes e notificações, download de e-mails de servidores POP e IMAP, entre outros. Você terá que configurar os jobs na cron do usuário OTRS para que as atividades sejam executadas com sucesso.

cd /opt/otrs/var/cron

for foo in *.dist; do cp $foo `basename $foo .dist`; done

Esse comando substitui e cria os jobs na cron do otrs.

Agora temos que adicioná-los na crontab do usuário OTRS do sistema operacional:

cd /opt/otrs

bin/Cron.sh start otrs

Agora os procedimentos serão executados automaticamente nos períodos de tempo estabelecidos.

Você pode verificar se os jobs do OTRS estão configurados corretamente utilizando o comando “crontab -l -u otrs”.

Agora você pode logar no seu OTRS utilizando o endereço do seu servidor http://seuservidor.com.br/otrs/index.pl utilizando o usuário padrão “root@localhost”.

Crie usuários, filas, configurações personalizadas e aproveite ai máximo do seu sistema.

FONTE: http://wiki.otterhub.org/index.php?title=Installation_on_Ubuntu_Lucid_Lynx_%2810.4%29

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.